Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2006

Imagem que vale por mais de 1000 palavras

Não pode não!

O site de recrutamento Catho é bem claro:
Segundo a advogada e coordenadora da área Jurídica da Catho Online, Gisele Laus, os candidatos não são obrigados a fornecer o CPF (Cadastro de Pessoa Física) durante a entrevista de emprego ou no preenchimento de algum cadastro durante o processo seletivo. "As empresas não podem exigir o CPF do candidato na hora da entrevista ou em qualquer outro momento do processo seletivo", afirma Doutora Gisele. Mas então porque o site Catho pede CPF?

A Microsoft que tá certa

O portal MSN tem um interessante site de como proteger sua privacidade. Uma citação peculiarmente interessante:
Proteja suas informações pessoais. Pergunte aos vendedores se informações como o número da sua carteira de identidade ou do seu CPF são absolutamente necessárias. Pergunte à pessoa que solicitar o número de sua carteira de identidade — por exemplo, sua seguradora — qual é a diretiva de privacidade da empresa e se você pode solicitar à empresa que essa informação não seja compartilhada com mais ninguém. Para obter mais informações, leia Como os criminosos podem invadir sua privacidade e o que fazer sobre isso.Isso sim que é dica!

Artigo interessante

O sempre ótimo Mídia Sem Máscara traz um interessante artigo por Sandro Guidalli sobre a questão do controle stalinichipnista dos automóveis que querem implantar no Brasil. Um trecho do artigo:
Nasceu e foi desenvolvida para ele. Tudo começou com o Registro Civil, o CPF, a Carteira de Trabalho e outros documentos que hoje servem menos para a segurança e utilidade das pessoas e mais para que o servidor público saiba o que você faz, se é doente ou não, quanto sonega e até quanto você gasta numa loja de CD´s. Logo, o PT e sua cambada irão querer implantar chips em cada pessoa que nasce no Brasil.

E começa com os carros

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran), por meio da Resolução 212, criou o Sistema Nacional de Identificação Automática de Veículos (Siniav) que terá como metas "combater o crime", "melhorar a fiscalização do trânsito" e "dar mais dados" para um melhor gerenciamento do tráfego. Esta brincadeira stalinista tem um custo médio de R$48,34 por carro, no Brasil há 43 mi, ou seja, mais de R$2 bilhões serão arrancados de alguma maneira do contribuinte, para que este possa ter seus movimentos vigiados por um governo incompetente, corrupto e ávido por extorquir mais dinheiro da sociedade.
O presidente da Comissão de Assuntos e Estudos sobre ireito de Trânsito da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-SP), Ciro Vidal diz o seguinte: Para ele, o País caminha para a vigilância total sem razão. “Isso não está me cheirando bem, vamos ver quantas empresas podem fazer isso.”Mas como era de se esperar, um Zé Cadastro, o prefeito paulistano Gilberto Kassab (PFL) "garantiu

Logo do Crube

O Crube dos Hamigos da Privassidade já tem um logo. Agora Suiama, Peck, Azeredo e outros poderão se identificar como amigos da Privassidade.

Tinha que ser Zero Fora mesmo

A Zero Fora de hoje, o jornal que demitiu Olavo de Carvalho por não se enquadrar no Código de Ética Marxista, quer que as garagens bisbilhotem as placas de carros em Porto Alegre e no estado do RS com o objetivo de "combater o crime". O sistema estaria conectado em tempo real com bancos de dados estatais sobre veículos; quem sabe para ver se os motoristas já pagaram o extorsivo IPVA.

Internet correndo perigo

Numa decisão louvável, a discussão do PLS 76/2000, que quer impor no Brasil o controle da Internet aos modos cubanos, na Comissão de Constituição e Justiça do Senado foi adiada e não tem data definida para ser realizada. Contudo, esta decisão não tira o grave perigo que a Internet e seus usuários no Brasil estão correndo.
A reação contrária ao projeto de lei foi imediata. E foi uma reação até maior do que eu poderia imaginar, já que no Brasil existe uma certa cultura de conformação com os desmandos estatais. E ao contrário do que poderia imaginar os apoiadores do PLS, as pessoas que fazem parte do movimento contrário não são apenas alguns blogueiros mas sim pessoas de expressão e importância no campo da informática como por exemplo Alexandre Atheniense, ou mesmo expoentes políticos como o deputado Fernando Gabeira.
Agora, analisado o tal PLS. O projeto de lei simplesmente criminaliza qualquer pessoa que acessar Internet sem se identificar, mesmo que a pessoa use a web para pegar uma rec…

Azeredo, me explica isso

E então, seu PLS ainda é útil?

Lista Negra da OAB corre perigo

A Lista Negra da OAB de São Paulo, que felizmente deverá ser copiada por outras seccionais ou até mesmo pelo Conselho Federal, corre riscos sérios devido a ataques promovidos por pessoas que não acreditam na liberdade de expressão nem nos privilégios da relação cliente-advogado.
Alguns "ofendidos" querem que a lista seja censurada. E não é que o Sérgio Suiama recebeu uma Moção de Repúdio. Ora, ora...